Dicas de como escolher sua mala de viagem!

17 de março de 2014
   Oi pessoal td bem ?! Hoje vim dar algumas dicas (que podem até parecer bobas, mas que são muito úteis) na hora de escolher uma mala de viagem. Como estava precisando de malas novas de viagem pra aposentar as antigas que já estavam pedindo arrego rsrs, na hora da pesquisa e escolher, resolvi fazer esse post pra dividir algumas dicas com vocês !

- O tamanho da mala. 
O meio de transporte que você vai usar influência e muito. Se você quer algo para apenas fazer viagens de carro, você pode optar pela mala tamanho G, assim você pode colocar tudo em uma mala só. Mas se suas viagens com essa mala também vão ser aéreas, eu aconselho a escolher uma mala tamanho M por 2 bons motivos. Se você assim como eu é uma pessoa descontrolada e se ver um cactos quer colocar dentro da mala (ué, vai que eu precise dele pra alguma coisa rsrs) você facilmente com a mala G pode ultrapassar o limite de peso estipulado pelas cias aéreas (que gira em torno de 32 Kg para voos internacionais e 23 Kg para voos domésticos) e venhamos e convenhamos que excesso de bagagem não é nada barato (prefira 2 malas M do que 1 G) e outro motivo é a locomoção, não é nada fácil ficar subindo e descendo com uma mala G. Desse modelo laranja tenho essa da foto (que é a M) e a pequena que uso como mala de mão e uso para viagens curtas.

- A cor da mala (itens para identificação)
Sempre sempre sempre escolha cores diferentes, vai ser muito mais fácil identificar aquela mala laranja na esteira rs, (fuja de malas pretas e básicas). Outra coisa que pode ajudá-lo no quesito identificação, coloque um identificador de bagagem diferente na sua mala. Os meus são em formatos de malas de viagens.

- O material.
Sabemos que nossas malas são tratadas como "um saco de lixo" nos aeroportos, jogadas de um lado pro outro sem o menor cuidado . E apesar de existirem malas com diversos materiais eu prefiro o "policarbonato" que é um material super resistente, não rasga como as de tecido, mas infelizmente riscam com facilidade, mas tbm amo por ser super leve (outro ponto positivo na hora de pensar no peso da bagagem).

- A facilidade para transportar.
Sempre sempre sempre vou recomendar malas com 4 rodinhas com giro de 360°, indiscutivelmente é a melhor pra se locomover. Malas que tem roda só na parte traseira tem que ser inclinada para sair do lugar, e além disso se não tiver um giro de 360°, se for necessário uma virada brusca, você vai e a mala fica. Além disso alças com botão de trava para ajuste de altura são ótimas para ajudar a transportar a mala em pé ou deitada. Outra coisa que pode facilitar na hora do transporte são malas com alças de mão em cima e na lateral.


- E por ultimo, mas não menos importante, a segurança.
Infelizmente esse é um ponto que tem que se levar muito em conta na hora de comprar a mala. Dia após dia malas são violadas e furtadas e pouco as cias aéreas fazem sobre isso. Então temos que nós precaver de alguma maneira, então sempre aconselho a comprar malas com sistema de cadeado embutido, onde o cadeado já faz parte do corpo da mala (foto 1) ou malas com trava de segurança (foto 2). Hoje em dia só o cadeado não significa segurança alguma, pois com uma simples caneta, sua mala pode ser violada e você nem vai perceber (assista esse vídeo que vocês vão entender). E outra coisa muito importante é escolher cadeados aprovado pela TSA (Transport Security Administration = Administração de Segurança no Transporte), (um cadeado que abre com a chave-mestra do pessoal da alfândega americana (e que já está sendo adotado por vários outros países) e que permite inspeções sem danificar sua mala). Outra questão a ser adotada ainda no quesito segurança é que para facilitar alguma eventual inspeção na sua mala por alguma autoridade, que você tenha uma mala com zíper no forro, assim evitando qualquer tipo de rasgo para inspeção entre o forro e a mala (foto 3).






Gostou do post ?! Então não deixe de comentar ❤ ...
Me ache também nas redes Sociais


2 comentários: